sexta-feira, janeiro 06, 2006

O fim da linha

Hoje o Estoril Praia extiguiu o futebol profissional.

A causa: falta de liquidez financeira para pagar os ordenados aos jogadores. Não é o primeiro (já lá vão Farense, Salgueiros,Campomaiorense) e não será, com certeza, o último. Pena que equipas que não apresentam condições financeiras no início da época possam ser inscritas em competições profissionais de futebol.

Azar do Estoril que não tem jogadores como Moretto (ex-Setúbal) que possam dar um pouco mais de oxigénio à bolsa; ou que não haja um jogo com o Benfica que possa ser feito no Algarve.

Mas fazendo bem as contas, caso tivesse jogado no seu estádio (muito mais dificil para uma equipa como o Benfica) e caso tivesse ganho, os 3 pontos desse jogo evitariam a descida de divisão e o centro de emprego ficava um bocadinho menos cheio.

Carlos Barrocas