domingo, janeiro 08, 2006

E se me permites uma pequena desconstrução:

Susana: eu percebo o que queres dizer, mas acredita que a doutrina cristã não é assim tão linear como a descreves. Até porque não especificas: falas de quem? De católicos? De luteranos? De evangélicos? São confissões diferentes, apesar de todas acreditarem no mesmo Cristo. E tens te ter em atenção que a religião é, em si, conservadora. Isso não pode nem deve mudar. A Igreja não é o Bloco de Esquerda. A sua defesa da "moral e dos bons costumes" é importante nos dias que correm - não para que a sigamos cegamente, mas para que saibamos onde está o outro extremo do fucking free for all em que vivemos. E, em termos de educação católica, não há nada a apontar: ou não provasse a história que com os ataques sucessivos dos nossos pseudogovernos laicos à Igreja a qualidade do ensino em Portugal caiu substancialmente. Não quero com isto dizer que todos devêssemos ter Religião e Moral. Apenas quero dizer que os ideiais cristãos - paz, amor, fraternidade - não são maus, pelo contrário. Os pontos em que tu atacas a Igreja são os mais fáceis.

A família não é um mito. A família é uma realidade, a primeira instância da socialização (da socialização primária). Que seja maior ou mais pequena, monoparental ou composta por avós e netos, ela existe. Nem que ela seja, apenas, os teus amigos - certamente que terás amigos para com os quais terás laços afectivos muito maiores do que para com familiares teus (biológicos).

Cuidado com o feminismo. Ser feminista é diferente de ser emancipada. O feminismo é, para mim, um embuste nos dias que correm. Aquela história de queimar soutiens por serem, alegadamente, objectos opressores, é ridícula. A importância do feminismo foi, apenas, mostrar o outro extremo. Agora temos um happy medium in between. O mundo está melhor? Pois está. Mas não entremos em extremos. Todos sabemos que não nos levam a lugar nenhum.

João Campos

2 Comments:

Blogger Shelyra said...

Depois de tão anunciado o vosso aniversário, venho felicitar-vos. Parabéns pelo vosso primeiro aninho e continuem por muitos mais. :)

2:28 da tarde  
Blogger erü said...

ainda há medias cá em casa :p

6:02 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home