sexta-feira, novembro 04, 2005

Uma mera questão de profissionalismo

Ouvi com a máxima atenção que foi possível a conferência, que a Federação Académica da Universidade Nova de Lisboa organizou hoje na Reitoria desta mesma Universidade, com o Professor Cavaco Silva. Voltei a ouvir hoje, como já tinha escutado em anteriores ocasiões, o Sr. Professor expressar a ideia de que não é um "político profissional", o que inevitávelmente me sugere a humilde mas, julgo, muitíssimo pertinente interrogação que é a seguinte:

Será que o país eleitor deseja um Presidente da República que seja um "político amador"?

Fica a questão.

João Teago Figueiredo

1 Comments:

Anonymous João Campos said...

Como dizia o mui sábio João da Ega: se há carradas de talento [nos políticos] e isto está como está, então deixem os imbecis governar!

(o problema é que, neste caso, já os conhecemos muito bem a todos...)

1:14 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home